Info Comerciário 195/2019

quinta-feira, 7 de março de 2013

Mulheres preferem equilíbrio na carreira a altos salários


Pesquisa divulgada dia 1/3 pelo LinkedIn, rede social voltada ao mercado de trabalho, apontou que 63% das mulheres ao redor do mundo definem sucesso profissional como ter o equilíbrio perfeito entre trabalho e vida pessoal, enquanto apenas 39% delas priorizavam este fator cinco ou dez anos atrás. O levantamento ainda aponta que 74% do público feminino acreditam que podem ter tudo.

Os dados apontam que a importância dada ao salário para definir realizações profissionais caiu de 56% para 45%, enquanto "ter um trabalho interessante" aparece como um medidor de sucesso para 58% do público feminino. No caso do brasil, 71% das profissionais acreditam que encontrar o equilíbrio entre o trabalho e a vida pessoal significa sucesso.

“Mulher Valorizada, Comerciária Fortalecida” - Evento vai reunir 600 pessoas em Praia Grande

Já está tudo pronto para a edição 2013 do “Mulher Valorizada, Comerciária Fortalecida”, tradicional evento que a Fecomerciários vai realizar no seu Centro de Lazer em Praia Grande/SP, na quinta e sexta-feira, 7 e 8 de março, em homenagem ao Dia Internacional da Mulher. São esperadas mais de 600 comerciárias e comerciários dos 68 Sindicatos Filiados, autoridades e convidados de outras categorias de trabalhadores. Equipe do Sincomerciários BS estará participando.

O evento será aberto pelo presidente da Federação e coordenador-geral, Luiz Carlos Motta, e várias autoridades já confirmaram presença, entre elas, a secretária da Justiça e Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo, Eloisa de Sousa Arruda; o secretário adjunto estadual do Emprego, Aparecido Bruzarosco; e o superintendente regional do Trabalho e Emprego no Estado de SP, Carlos Zimmermann
Fonte: Fecomerciários

Centrais Sindicais entregam pauta a Dilma e STF

Agência Brasil/José Cruz
Presidenta recebe sindicalistas
Uma comitiva de líderes das centrais sindicais foi recebida em audiência pela presidenta Dilma Rousseff, no começo da noite de quarta-feira (6/3), no Palácio do Planalto. Os líderes apresentaram a pauta trabalhista, que tem 12 itens, entre os quais o fim do fator previdenciário, a redução da jornada de trabalho para 40 horas e a política de valorização dos aposentados.

Os representantes de centrais sindicais saíram com posições diferentes da reunião com a presidenta Dilma Rousseff. Para o presidente da Força Sindical, deputado Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força, as centrais receberam apenas promessas de negociação, mas sem resultados práticos, como o agendamento de nova reuniões com o governo. Para o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Vagner Freitas, a reunião foi positiva pelo compromisso do governo em abrir a negociação das questões levantadas pelos trabalhadores. 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...