Info Comerciário 195/2019

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Sincomerciários engajado no Verão sem Aids

Começou dia 21/1, em Praia Grande, a 17ª edição do “Projeto Verão sem Aids”, tradicional evento organizado pela Força Sindical e Fecomerciários com o objetivo de prevenir a Aids e DST’s, reduzir o contágio, incentivar a realização de testes, combater a discriminação e garantir o direito ao trabalho das pessoas que vivem com HIV/Aids. O lema do projeto é "Valorizando a Vida".

A abertura do “Projeto Verão sem Aids”, que aconteceu na Avenida dos Sindicatos, em frente do Centro de Lazer dos Comerciários, é um evento tradicional que marca o início de suas atividades com a realização de um grande show de artistas e participação de autoridades, num palco montado nas areias da Praia Grande.

Todos os anos, milhares de pessoas de todas as regiões do Brasil prestigiam o evento da Força Sindical em parceria com a Fecomerciários, Fequimfar, Sindicato dos Químicos da Baixada, Prefeitura de Praia Grande, Ministério da Saúde, Governo do Estado de São Paulo e reconhecimento da ONU.

O presidente do Sincomerciários BS e diretor de Assuntos do Trabalho da Federação, Biloti, representou o presidente da Fecomerciários, Luiz Carlos Motta, durante o evento;  participou ativamente distribuindo o kit entre a multidão de praieiros que lotava a faixa de areia, afirmando que somente através da informação constante, esclarecimento e conscientização é possível prevenir esta doença silenciosa que não faz distinção entre homens e mulheres, jovens, adultos ou idosos.


Até o Carnaval, 21 de fevereiro, durante os finais de semana, serão distribuídos milhares de preservativos e materiais informativos sobre Aids e Doenças Sexualmente Transmissíveis - DST em toda orla marítima da Baixada Santista, buscando a conscientização dos banhistas frente ao tema.

Novidades na área de saúde das crianças

O governo federal vai levar médicos, enfermeiros e dentistas das Unidades Básicas e Saúde a 50 mil escolas públicas localizadas em mais de dois mil municípios. os profissionais vão avaliar as condições de saúde de 11 milhões de estudantes. As visitas serão feitas até a segunda semana de março.

Também há duas novidades no programa de vacinação infantil. A vacina pentavalente, que começa a ser aplicada em agosto, é a soma de duas vacinas que já existiam, a chamada tetravalente e a hepatite B. Com uma só injeção, a vacina pentavalente vai proteger agora a criança contra cinco doenças: o tétano, a difteria, a coqueluche, a hepatite B e um tipo de meningite grave. A combinação das vacinas é boa para a criança, que vai precisar tomar uma injeção a menos. Já a vacina contra a pólio será injetável, para os bebês de até 4 meses.
Blog do Planalto
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...