.

.

Info Comerciário 194/2019

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Vacinação: campanha contra pólio e sarampo começa neste sábado

Fonte: G1 Santos
O Dia Nacional de Mobilização contra a Poliomielite, neste sábado (16), terá um esquema especial para a vacinação nas cidades da Baixada Santista. Todas as crianças menores de 5 anos devem ser imunizadas contra a paralisia infantil.

Em diversas cidades, além das Unidades Básicas de Saúde e Unidades de Saúde da Família, haverá a aplicação da vacina em pontos de maior circulação de pessoas, como shoppings, supermercados e escolas. Somente em Santos serão 55 postos de vacinação, sendo 47 fixos e 8 volantes. O atendimento ao público acontece das 8h às 17h. Os responsáveis devem levar a carteira de vacinação para atualização de outras vacinas.

Ilegalidade eticamente legítima!

*Saulo Ramos
"Durante a discussão dos planos Cruzado I e II, ouvi algo espantoso dos funcionários do Ministério da Fazenda, a turma da casa, que estava lá havia séculos. Quando nós, juristas, advertíamos que determinada medida era inconstitucional ou ilegal, eles respondiam com a demonstração de uma estatística fantástica;

 - Contra atos da Fazenda Nacional, apenas ingressam em juízo cerca de 30% dos prejudicados. A maioria, portanto, não reclama. Pode haver alteração para mais ou para menos, dependendo de dois fatores principais: 1) se a imprensa der destaque à ilegalidade, o que não acontece sempre, porque os jornalistas, em determinadas questões, passam batido; 2) se as quantias envolvidas não forem individualmente expressivas. E os que entram com ações contra a União levam cerca de dez anos para receber, o que adia o problema para os governos posteriores.

Meninos, eu vi! E várias vezes. Não é preciso registrar que, em muitas ocasiões, houve quebra-paus feios. Algumas vezes consegui demovê-los, em outras, fiquei vencido, porque existe no governo, em todos os governos, a mentalidade de que a ilegalidade em favor do Tesouro Nacional é eticamente legítima."

*José Saulo Pereira Ramos era o Consultor Geral da República à época dos planos
Livro: Códigos da Vida - Pág. 320, 2.ed, Planeta 2013

O que religião tem a ver com a sua vida profissional?

Muitas pessoas costumam ficar espantadas quando a gente faz essa pergunta e a gente nem deveria estranhar que a resposta da grande maioria seja “não tem nada a ver, cada um cuida da sua vida profissional – e pessoal – com base naquilo que crê”. “Porque não tem nada a ver?”, a gente poderia insistir na pergunta e daí poderia ouvir como resposta o ditado popular “religião, futebol e política não se discute”, pois, como vivemos em comunidade, temos que ter respeito às diversidades e preferências de cada membro do grupo.

Para mim parece válido aceitar o que diz o ditado e a postura das pessoas que querem evitar uma discussão para não ferir sentimentos das demais pessoas do grupo, “para não perder o amigo”, como dizemos. No entanto, uma resposta e reação simples, pronta e rápida talvez não signifique que o dito seja aplicável e verdadeiro.

Restringindo o meu foco e comentário somente à questão da religião eu diria que sim, quem tem uma religião poderia ter sua carreira altamente influenciada por ela. Tomando por base a maioria das religiões, em especial a cristã, como exemplo, o que poderia ser aproveitável para sua vida profissional?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...