.

.

Info Comerciário 195/2019

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Vacinação para crianças começa 8 de novembro!

Fonte: Fecomeciários c/informações G1
O Ministério da Saúde anunciou nesta quinta-feira (30/10) que pretende vacinar 12,7 milhões de crianças contra paralisia infantil neste ano. O número corresponde a 95% do público-alvo, que é formado por crianças entre 6 meses e 5 anos. As aplicações ocorrem entre 8 e 28 de novembro.

A poliomielite é uma doença contagiosa que afeta principalmente crianças com menos de 5 anos. Ela pode causar paralisia em algumas horas e, em alguns casos, ser fatal. O Brasil não registra casos da doença há 25 anos.

No mesmo período da campanha contra a pólio, o ministério também vai vacinar crianças de 1 a 5 anos contra sarampo, caxumba e rubéola. Serão distribuídas 12,5 milhões de doses de tríplice-viral, e a meta é atingir 10,9 milhões de crianças.

Dica FGTS

Tribunal Superior do trabalho - TST

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Comerciário, celebre seu dia!


Pois é, STF adia mais uma vez decisão sobre 'desaposentação'

A decisão sobre a possibilidade de recálculo da aposentadoria no caso de volta ao mercado de trabalho, a chamada "desaposentação" foi adiada novamente no Supremo Tribunal Federal (STF) nesta quarta-feira, 29.

No início do mês, o ministro Luís Roberto Barroso votou a favor da "desaposentação" e sugeriu um cálculo para conceder a aposentadoria, nesses casos. O julgamento não prosseguiu, após o voto de Barroso, por falta de quórum: três dos dez ministros que integram a Corte estavam ausentes. Hoje o caso foi retomado, mas, após os votos dos ministros Dias Toffoli e Teori Zavascki, a ministra Rosa Weber pediu vista do processo, deixando a decisão do STF para mais adiante.

Dia do Comerciário é comemorado com dez anos de aumento real

 *Luiz Carlos Motta/Presidente da Fecomerciários e da UGT/SP
O Dia do Comerciário, 30 de outubro, é comemorado pela Federação dos Empregados no Comércio do Estado de São Paulo (Fecomerciários) com destaque a duas conquistas: a regulamentação da profissão de comerciário (Lei 12.790/13) e a assinatura, por dez anos consecutivos de aumentos reais e reajustes dignos. Essas Convenções Coletivas de Trabalho (CCTs) asseguram, ainda, gratificações, em dinheiro, que podem ser pagas nos valores correspondentes a um ou  dois dias de trabalho ou, o mesmo período, em folga.


A regulamentação garante registro em Carteira como comerciário e a admissão da jornada de seis horas para o trabalho realizado em turnos de revezamento. É vedado o trabalho do mesmo funcionário em mais de um turno. Já as Convenções conquistaram aumentos reais de até 2,15%; os reajustes ficaram em 8,5%. Quanto às gratificações em relação ao Dia do Comerciário, observo que as mesmas são feitas de acordo com o tempo de trabalho.

Reivindicações

Fipe lança site com informações sobre mercado de trabalho

Fonte: Fecomerciários c/informações Extra-RJ
No dia 12 de novembro, a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) vai lançar o site www.salarios.org.br. A plataforma reunirá o acompanhamento das negociações coletivas de diversas categorias profissionais, os salários iniciais pagos pelas empresas e a evolução da folha de salários, com os aumentos que o trabalhador recebe.

— É um site que vai oferecer informações importantes sobre mercado de trabalho, que hoje não estão facilmente disponíveis — afirma Hélio Zylberstajn, professor da Faculdade de Economia da Universidade de São Paulo (USP) e coordenador do projeto. 

Segundo ele, o empregado poderá saber, pelo site, como está a negociação de seu sindicato em relação ao piso salarial de sua categoria e poderá comparar o valor com os de outros trabalhadores.

— Isso balizará o que o sindicato vai pedir. Haverá uma referência, para não pedir um reajuste nem alto nem baixo. Para as empresas, é importante, porque vai permitir comparar os aumentos. E os analistas econômicos saberão se os reajustes foram muito altos, o que poderá ter impacto no mercado, elevando a inflação — explica.

Entre os dados disponíveis, estarão o valor médio dos reajustes e a existência de um teto para a aplicação dos aumentos. A ferramenta permitirá até pesquisar o salário médio de admissão dos últimos seis meses, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

No Brasil de Dilma Rousseff, mulher não vai bem!

Fonte: CNTC c/informações Folha de SP
Triste coincidência: 24 horas após uma mulher, Dilma Rousseff, ter sido reeleita para a Presidência do Brasil, sai o ranking de “Abismo de Gênero”, compilado pelo Fórum Econômico Mundial, e o Brasil cai nove posições em relação ao ano anterior.

O país ocupa agora a 71ª colocação, na exata metade de uma tabela de 142 países. O ranking busca avaliar como esses 142 países estão distribuindo os recursos e oportunidades entre homens e mulheres. Cobre quatro grandes áreas: participação e oportunidades econômicas, o que inclui salários e liderança; educação (acesso aos níveis básico e superior de educação); “empoderamento” político (representação de homens e mulheres nas estruturas de decisão); e saúde e expectativa de vida.

Uma segunda triste ironia: o Brasil vai mal exatamente no campo em que Dilma se destacou, a política. Se, no ranking geral, o Brasil é o 71º colocado, na participação política da mulher ocupa apenas a 74ª colocação.

Em pontos: no geral, a pontuação do Brasil é 0,694, em que 1 é a igualdade total homem/mulher, e 0, obviamente, a total desigualdade. Na política, a pontuação brasileira é de apenas 0,148.

Pior ainda é o abismo de gênero no campo da economia, em que Dilma também é ativa, como economista: o seu país cai para o 81º lugar.

Nas duas outras áreas (educação e saúde), no entanto, o Brasil vai muito bem, com absoluta igualdade entre homens e mulheres tanto em expectativa de vida como em alfabetização e matrículas nos três níveis de ensino.

Saiba mais...

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Dia Nacional do Livro!

Fonte: Força Sindical Facebook

Adicionar o chefe no Facebook?

Confira algumas situações que podem ajudá-lo a decidir se deve ao não adicionar seu chefe no Facebook:

Quando você DEVE adicionar o seu chefe no Facebook

1. Se você já tem um ótimo relacionamento com seu chefe É um equilíbrio difícil entre vida profissional e pessoal, mas ser amigo de seu chefe no Facebook realmente torna a relação mais fácil porque é uma oportunidade de se envolver com ele fora do trabalho. Os gerentes também querem trabalhar com pessoas que eles gostam, e neste caso adicioná-lo no facebook só vai estreitar as relações entre vocês.

2. Se você está tentando ser mais cuidadoso com as coisas que posta A ideia aqui é deixar você mais esperto sobre como usar o Facebook, uma vez que sabe que seu chefe tem acesso às coisas que você posta. Em muitos casos, adicionar o chefe pode ser uma maneira de amadurecer nas redes sociais, e parar de postar bobeiras. E a partir das postagens do seu superior, você também pode saber o que ele espera de outros profissionais e colegas de trabalho.

3. Se essa amizade ajuda você fazer o seu trabalho melhor Adicionar o seu chefe no Facebook faz com que a relação entre vocês fique mais próxima, uma vez que agora essa relação já deixou o âmbito profissional, e tornou-se mais pessoal. Essa é uma saída para compartilhar o trabalho desenvolvido em um ambiente colaborativo. Isso será capaz de aumentar a sua produtividade e engajamento no trabalho.

Quando você NÃO DEVE adicionar o seu chefe no Facebook

Comerciários de Itanhaém recebem visita do Sindicato



Washington Luiz, secretário geral do Sincomerciários BS, esteve em Itanhaém conversando com os comerciários sobre os benefícios de ser associado ao sindicato, além de vários assuntos relativos ao trabalho, aproximando a entidade dos trabalhadores da região.

Lista de compra evita desperdício de até 30%

Fonte: Fecomerciários c/informações da Folha de São Paulo
Fazer lista do que falta na despensa de casa antes de ir às compras e elaborar um cardápio para a semana ajudam a combater o desperdício de comida e, consequentemente, de dinheiro. 

"Fizemos contas e vimos que uma família joga fora em torno de 30% do que gasta com alimentos", afirma Helio Mattar, do Akatu. 
Outra recomendação simples para evitar a perda de comida é colocar os produtos mais antigos na frente na despensa e congelar alimentos para consumi-los depois. 

Ainda na despensa de casa, uma alternativa mais em conta é recorrer a refis – há versões de amaciantes, achocolatados, filtros de café, entre outros – e embalagens retornáveis, como de refrigerantes. "O consumidor reduz a quantidade de plástico usada na produção de embalagens e economiza, pois os refis costumam ser mais baratos", afirma Jurandir Macedo, planejador financeiro. 

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Camila! Miss Comerciária BS 2014

Camila Martins Santiago vai concorrer ao título de Miss Comerciária Paulista 2014, dia 22 de novembro, no concurso realizado pela Fecomerciários.

Dicas para manter a saúde bucal

Fonte: Blog da Saúde  
Para ter um sorriso bonito e saudável, é preciso escovar os dentes todos os dias, após cada refeição e também uma última vez antes de dormir, utilizando uma escova de dente de tamanho adequado, com cerdas macias e creme dental com flúor. Complemente a escovação passando o fio dental entre todos os dentes.

Manter uma alimentação saudável, controlando a frequência da ingestão de alimentos doces, principalmente entre as refeições também contribui para a manutenção do sorriso. No caso de quem usa aparelho ortodôntico, é necessário preocupar-se ainda mais com a limpeza dos dentes e da gengiva, utilizando flúor, pois o aparelho retém muito restos de alimentos. E, em todos os casos, é importante ir ao dentista regularmente.

Saiba como fazer a correta higienização bucal:

Violência doméstica

Conselho Nacional de Justiça - CNJ

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Parabéns Comerciários(as)!

Votação das perdas da aposentadoria pode ser pautada para a próxima quarta

Fonte: Diário do Litoral
Aposentados prometem cobrar o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves, que se comprometeu em colocar em votação, logo após o segundo turno das eleições, o projeto 4434/08, de reposição das perdas nas aposentadorias.

Líderes de aposentados, que aguardavam a votação em plenário no último dia 14, montaram uma estratégia de pressão, que inclui cartas de apelo aos deputados federais, para que compareçam ao plenário da Câmara para que o quórum seja alcançado, possibilitando a votação deste projeto e de outros, de interesse dos trabalhadores. (...)

Líderes sindicais já enviaram ofícios explicativos aos 513 parlamentares, convocando- os a estarem presentes nas sessões legislativas para que haja quórum para a votação.

Todo trabalhador deve saber sobre estabilidade provisária...

Fonte: TST

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Eleição: Escolha com consciência!

Numa democracia as eleições são de fundamental importância, um direito e um dever, um ato de cidadania. Possibilitam a escolha de representantes e governantes que fazem e executam leis que interferem diretamente em nossas vidas. Escolher um péssimo governante pode representar uma queda na qualidade de vida, afinal os políticos são os administradores dos impostos que pagamos. Desta forma, precisamos dar mais valor a política e acompanhar com atenção e critério tudo que ocorre em nossa cidade, estado e país. O voto deve ser valorizado e ocorrer de forma consciente. 

Neste momento, nossa escolhe se resume a dois candidatos para a presidência da república. Escolha difícil, que vai gerar muitos votos brancos e nulos. Ficar em cima do muro não resolve nada, por isso, talvez seja bom lembrar o que disse Berthold Brecht: “O pior analfabeto é o analfabeto político. Ele não deve, não fala nem participa dos acontecimentos políticos. Ele não sabe que o custo de vida, o preço do feijão, do peixe, da farinha, do aluguel, do sapato e do remédio dependem das decisões políticas. O analfabeto político é tão burro que se orgulha e estufa o peito, dizendo que odeia a política. Não sabe o coitado que, da sua ignorância política nasce a prostituta, o menor abandonado, o assaltante e o pior de todos os bandidos, que é o político vigarista, pilantra, o corrupto e o lacaio das empresas nacionais e multinacionais”. 

Posicione-se, faça uma escolha, ainda que seja a “menos ruim”!

10 pequenas coisas que fazem uma grande diferença!

Fonte: Dicas Profissionais/Luiz Marins

(...) Dicas simples que fazem uma enorme diferença para melhorar o clima no trabalho:

* Lembre-se sempre de dizer “com licença”, ”por favor” e “obrigado”, mesmo que alguém esteja cumprindo sua obrigação ou seja muito amigo;
* Fale baixo. Ria baixo. Não seja inconveniente;
* Use o telefone e a internet somente para assuntos de trabalho. Evite usar esses meios para assuntos particulares;
* Ao tomar emprestada alguma coisa, nunca se esqueça de devolver e agradecer;
* Ajude a manter limpo o ambiente de trabalho. Mantenha limpo o sanitário após o uso. Cuidado com copos e xícaras sujas. Jogue os copinhos de café no local apropriado. Arrume sua mesa de trabalho;
* Respeite a fila. Mesmo que ache desnecessário respeitá-la, porque vai pegar só uma coisa, etc. Não queira parecer esperto;
* Não fale mal dos outros. Não se envolva em fofocas;
* Cuidado com as anedotas e brincadeiras pessoais, como apelidos etc. Cuidado para não ofender as pessoas;
* Cuide de sua imagem. Vista-se sobriamente. Afinal você está num ambiente de trabalho e não numa festa ou diversão;
* Controle a sua agressividade. Cuidado com a forma de falar e escrever. Não seja rude.

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Esperança: Aposentado que volta a trabalhar poderá ficar isento da contribuição ao INSS

Fonte: Agência Senado
A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 64/2013, da senadora Lídice da Mata (PSB-BA), isenta o aposentado que retornar ao trabalho da contribuição para a seguridade social. A PEC aguarda designação de relator na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).

 A autora argumenta que muitos aposentados pelo Regime Geral da Previdência Social (RGPS) retornam ao mercado de trabalho justamente porque os benefícios previdenciários pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) são baixos. Mas, ao retornar à atividade laboral, acrescenta Lídice, o idoso volta a pagar a contribuição para a seguridade social, o que a senadora considera injusto.

Em sua justificativa, a autora explica que “a nova contribuição [imposta ao aposentado] não possui nenhuma contrapartida, já que o aposentado que volta ao trabalho não receberá nenhum outro benefício previdenciário correspondente, portanto, ela não deve existir”.

Lídice lembra que a isenção da contribuição social ao aposentado que volta à ativa, poderá beneficiar também o empregador, que não terá que arcar com sua parcela da contribuição social.

Centrais sindicais preparam 1ª Marcha das Mulheres Negras

As centrais sindicais e entidades que defendem os negros estão preparando a 1ª Marcha das Mulheres Negras, que será realizada no dia 13 de maio de 2015, em Brasília. O objetivo é despertar a consciência da sociedade brasileira contra o racismo, a violência e as desigualdades sociais no País. 

Será a primeira vez que as mulheres negras sairão às ruas para lutar especificamente pelos seus direitos, porque recebem baixos salários, são vítimas de violência, têm menos oportunidades de estudar que as mulheres brancas, entre outros. Por exemplo, a diferença salarial entre a mulher negra e os homens não negros (que ganham os melhores salários) é de 46%.  

As mulheres negras são discriminadas no mercado de trabalho não apenas por serem mulheres (que já recebem rendimentos inferiores aos dos homens), mas também por serem negras, já que seus rendimentos são ainda inferiores aos das mulheres não negras.

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

10 Dicas para enfrentar o mercado de trabalho

Fonte: Lista10 c/dados Bolsa de Talentos
1º. Estude sempre, não pare. Se você tem nível de 2º grau, faça um bom curso superior, se tem nível superior, busque uma pós-graduação como a do Senac. Clique para conhecer.

2º. Domine a Informática. Saiba operar um microcomputador, no mínimo.

3º. Use a Internet. Navegue na Internet e se mantenha conectado com o mundo e tenha acesso a oportunidades.

4º. Defina seus objetivos. Saiba o que quer e como chegar lá, isto evita perda de tempo, energia e dinheiro.

5º. Acredite e invista em você. Você é um ser que possui talentos, um potencial infinito, aproveite este fato, desenvolva-se, busque diferenciais qualitativos.

6º. Desenvolva e cultive uma rede de relacionamentos profissionais (networking), na empresa e fora dela. Configura um importante canal de ajuda nos momentos críticos e de prospecção de oportunidades.

7º. Seja (ou busque ser) criativo. O profissional que apresenta soluções e idéias inovadoras será valorizado.

8º. Seja ético nos seus atos. O sucesso profissional obtido às custas do prejuízo dos outros é efêmero.

9º. Desenvolva sua capacidade de entender e lidar com gente. Trabalhe em equipe, relacione-se, compartilhe , ensine as pessoas. Seja um profissional integrado e importante na sua empresa.

10º. Seja um profissional polivalente, um multiespecialista. Busque conhecimentos e habilidades em outras áreas.

Salários das mulheres recupera defasagem em relação ao dos homens em 2014

Fonte: Blog do Planalto
As mulheres estão avançando para a redução da defasagem salarial entre o que elas ganham e o que é pago aos homens. É o que revelam os dados do Cadastro de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta semana. Com relação ao salário médio real de admissão por grau de instrução, por exemplo, as mulheres sem escolaridade tiveram ajuste de 3,18% no emprego com carteira assinada, enquanto homens nesta mesma condição receberam 0,82% a mais entre janeiro e setembro de 2014, em relação a igual período do ano passado.

Atualmente, a defasagem salarial de gênero ainda existe em todas as regiões do País. Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio 2013 (Pnad/IBGE) – que é mais ampla que o Caged por abrangir outras formas de trabalho sem carteira assinada – mostram que no início da década passada o rendimento das mulheres equivalia a 70% do rendimento dos homens. Dez anos depois, em 2012, a diferença, segundo a Pnad, ficou ainda maior, subindo a 73%. No grupo com 12 anos ou mais de estudo, o rendimento feminino cai para 66% da renda masculina.

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Aviso Prévio

Conselho Nacional de Justiça - CNJ

Mão de obra extra para o fim do ano

Fonte: Fecomerciários/Investimentos e Notícias
Com a aproximação das festas de fim de ano, os lojistas se preparam para atender a demanda aquecida do Natal, ampliando o seu quadro de funcionários. (...) Estima-se que até o término de 2014 aproximadamente 209 mil temporários sejam absorvidos para preencher as vagas de emprego disponíveis.

(...) Quem procura uma colocação temporária em 2014 deve ficar atento, pois a maioria das contratações deve ocorrer entre os meses de outubro (37%) e novembro (38%), segundo a avaliação dos empresários pesquisados. Apenas 13% já efetuaram as contratações nos meses de agosto e setembro e 7% devem realizá-las somente em dezembro, quando faltarem poucas semanas para o Natal.

Franquias focam na fatia da população acima de 60 anos

Fonte: Brasil Econômico
De acordo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o número de brasileiros acima de 65 anos deve quadruplicar até 2060 e chegar a 58,4 milhões. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), até o ano de 2050 serão mais de dois bilhões ao redor do mundo com mais de 60 anos. Na busca de soluções para esta faixa da população, as franquias começam a diversificar serviços. Antes, o foco eram apenas as empresas de cuidadores. Mas um olhar mais atento abriu espaço para outras iniciativas.

A Prepara Cursos é uma delas e criou um curso de informática para a chamada “Melhor Idade”. As aulas permitem o primeiro contato com o computador, informações básicas de informática e conhecimentos para a navegação na Internet, incluindo redes sociais. O Centro Britânico, franquia de cursos de idiomas, idealizou o curso Golden Years, para pessoas com mais de 55 anos. O nível básico tem duração de dois semestres. Já a academia Bio Ritmo criou o programa Bio Master, com aulas de alongamento, pilates e reeducação postural para idosos.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

MTE quer avançar na criação e capacitação da gestão de políticas públicas

Ag. Diap
Parceria assinada dia 16/10, entre o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) pretende transformar os dados do governo para a área do trabalho, emprego e renda em subsídios para a formulação e avalição de políticas públicas. O projeto tem nove eixos de atuação e integra o plano de modernização do MTE, envolvendo as secretarias nacionais, de Políticas Públicas de Emprego (SPPE), de Economia Solidária (Senaes) e de Relações do Trabalho (SRT).

Imagens do 23º Congresso Comerciário


Exames para prevenir o câncer de mama

Mamografia - Ainda é o melhor método para a detecção precoce do câncer de mama. Por meio dela é possível detectar microcalcificações que muitas vezes são as primeiras indicações de um câncer em fase inicial. A primeira deve ser feita a partir dos 35 anos. Em seguida, a partir dos 40, deve ser realizada anualmente.

Ultrassonografia mamária - A técnica é usada para reproduzir imagens transmitidas por um transdutor que emite e reflete ondas sonoras até a mama. É um método auxiliar da mamografia, somando dados e levando a um diagnóstico mais preciso. É indicada na análise da estrutura de nódulos detectados na mamografia (para se avaliar se são císticos ou sólidos) e na avaliação de mamas com próteses.

Auto-exame - O auto-exame das mamas deve ser feito a partir da primeira menstruação, mas não substitui os outros exames. Ele consiste em a mulher apalpar seus seios na tentativa de identificar alguma alteração. Além disso, ele incentiva que a mulher conheça o próprio corpo.

O auto-exame deve ser feito uma vez por mês, logo após a menstrução, e de três maneiras:

Durante o banho: Com a pele molhada ou ensaboada, a mulher deve elevar o braço direito e deslizar os dedos da mão esquerda suavemente sobre a mama direita estendendo até a axila. Em seguida, fazer o mesmo na mama esquerda.

Deitada: colocar um travesseiro debaixo do lado esquerdo do corpo e a mão esquerda sob a cabeça. Com os dedos da mão direita, a recomendação é apalpar a parte interna da mama. Em seguida, basta inverter a posição para o lado direito e fazer o mesmo procedimento.

Diante do espelho: elevar e abaixar os braços em frente ao espelho. Com o movimento, observar se há alguma anormalidade na pele, alterações no formato, abaulamentos ou retrações nos seios.

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Um clique no Congresso!

Biloti (Sincomerciários BS), Motta (Fecomerciários), Washington(Sincomerciários BS), Giovani(Sinprafarmas BS)
Biloti: "As deliberações tomadas pelos trabalhadores servirão como um sinalizador para as mobilizações sindicais que lutam pela preservação e ampliação dos direitos dos comerciários do Estado de São Paulo".

Motta:  “Nossos Congressos sempre tiveram um ambiente de democracia e de harmonia. Tenho certeza que sairemos daqui com um aprendizado maior".

Washington: Nossa categoria tem conquistado grandes vitórias através da sua organização sindical, que fica fortalecida a cada congresso realizado".

Giovani: Nossa missão é representar o trabalhador, lutando pelos seus direitos; o Congresso Sindical é uma oportunidade ímpar para nosso aprimoramento e tomada de posição nas lutas diárias da categoria".

23º Congresso Comerciário: Plenária aprova, por unanimidade, as deliberações


O 23º Congresso Sindical Comerciário, que teve início no dia 14 de outubro no Hotel Fazenda Fonte Colina Verde, na cidade de São Pedro, foi encerrado na manhã desta quinta-feira (16/10) com a aprovação pela plenária, por unanimidade, das resoluções que irão nortear a luta dos comerciários do Estado de São Paulo. Durante esses dias, os congressistas assistiram a palestras esclarecedoras e aprimoraram seus conhecimentos.

Confira as oito deliberações do Congresso
As coordenações geral, executiva, e subexecutiva, lideradas, respectivamente, pelo presidente da Fecomerciários, Luiz Carlos Motta, Ademir Lauriberto Ferreira e Edson Ramos, com base nas palestras aqui ministradas e nas discussões por elas fomentadas, apresentam à plenária do 23º Congresso Sindical Comerciário do Estado de São Paulo, ocorrido na cidade de São Pedro, de 14 a 16 de outubro, sob o tema: “Sindicalismo Comerciário: “Forte na Base e Atuante nas Lutas Políticas e Sociais”, as seguintes propostas de deliberações a serem adotadas, se aprovadas, em toda base territorial da Federação. Vale ressaltar que estas deliberações servirão como baliza das principais mobilizações sindicais em nome da preservação e da ampliação dos direitos das comerciárias e dos comerciários do Estado de São Paulo.

São elas:

Maioria dos Idosos não tem reserva financeira

Fonte: O Estado de S. Paulo
O desequilíbrio financeiro afeta mais da metade dos consumidores com mais de 60 anos, segundo uma pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). O estudo revela que 57% dos consumidores da terceira idade não têm nenhuma reserva financeira ou investimento.

“Essa situação é ainda mais comum entre os entrevistados com baixa escolaridade (68%) e os pertencentes à classe D e E (77%)”, destaca a economista da instituição, Marcela Kawauti. Um dos principais motivos que atrapalham esses consumidores a poupar e a investir é a preocupação com a família.

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

23º Congresso Comerciário: 2º dia


“As expectativas do jovem trabalhador e sua relação com o sindicalismo” foi o assunto abordado na palestra que abriu o último dia (16 de outubro) do 23º Congresso Sindical Comerciário na cidade de São Pedro, interior de São Paulo. O secretário da juventude da União Geral dos Trabalhadores (UGT), Gustavo Walfrido, foi quem ministrou o tema.

A professora Maria Alejandra Caporale Madi, economista e vice-presidente da Ordem dos Economistas do Brasil. Ela falou sobre “Cenário do comércio: perfil do trabalhador e os desafios das políticas públicas sociais”. Maria Alejandra informou o público, composto por aproximadamente 800 congressistas, sobre o papel do comércio na realidade econômica do país e da necessidade de recompor o crescimento econômico, utilizando de políticas públicas e sociais.

A palestra de encerramento do 23º Congresso Sindical Comerciário foi com o procurador do Ministério Público do Trabalho da 15ª Região, Dr. Dimas Moreira da Silva. Assunto abordado: “MPT e dirigentes sindicais comerciários na luta contra a precarização do trabalho”.

CCT Varejista: Acúmulo de função e problemas de mobilidade urbana

Duas novas cláusulas fazem parte da CCT Varejista 2014/15. Veja:

10ª ACUMULO DE FUNÇÃO O acúmulo de funções definidas no CBO assegura ao empregado o acréscimo de 10% (dez por cento) do salário contratual.

16ª ATRASO JUSTIFICADO Assegura-se a tolerância no atraso de até 30 (trinta) minutos no início da jornada, por mês, justificado por problemas de mobilidade urbana.

'Desaposentação' deve voltar à pauta do STF este mês

Fonte:Diário do Litoral/Foto AgBR
A possibilidade do recálculo da aposentadoria no caso de volta ao mercado de trabalho, a chamada "desaposentação", ficou fora da pauta do Supremo Tribunal Federal (STF) nesta quarta-feira, 15, mas deve voltar ao plenário ainda em outubro. Na última sessão plenária da Corte, no dia 9, o ministro Luís Roberto Barroso votou a favor da "desaposentadoria" e sugeriu um cálculo para conceder a aposentadoria nestes casos. O julgamento não prosseguiu após o voto de Barroso por falta de quórum: três dos dez ministros que compõem a Corte atualmente estavam ausentes.

A expectativa era de que a desaposentação voltasse a ser discutida, mas o voto propositivo de Barroso gerou inquietação entre os colegas, que avaliaram precisar de tempo para estudar a proposta. Para evitar que o caso fosse retomado nesta semana e adiado pelo pedido de vista de algum dos integrantes da Corte, o presidente do STF, ministro Ricardo Lewandowski, não pautou o processo para esta semana. A intenção, contudo, é colocá-lo para discussão no plenário ainda em outubro.

Barroso propõe uma fórmula para concessão da aposentadoria no caso do recálculo que, segundo ele, gerará um "custo fiscal assimilável". O impacto financeiro estimado pelo INSS para as ações que tramitam na Justiça para os próximos 20 anos pode chegar a R$ 70 bilhões. Segundo a Advocacia-Geral da União, existem hoje mais de 123 mil ações judiciais pedindo a desaposentadoria.

Brasil se destaca como exemplo de proteção ao trabalhador em meio à crise

Fonte: CNTC
O Brasil foi novamente citado pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) como um exemplo na proteção dos direitos sociais e do emprego em meio ao cenário adverso trazido pela crise econômica global iniciada em 2008-09. A 18ª Reunião Regional Americana da OIT, na cidade de Lima, no Peru, que vai até esta quinta-feira (16/10), elogiou a proteção da população mais vulnerável a oscilações.  

(...)O Brasil se destacou nesse período pelo vigor das suas políticas de combate à pobreza, redução da desigualdade social, diminuição da concentração de renda, diminuição do desemprego e geração de emprego formal e do aumento do salário mínimo.

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Talk show e palestras dão prosseguimento ao 23º Congresso Comerciário


Fonte/Fotos:Fecomerciários
No primeiro dia do 23º Congresso Sindical Comerciário, 15 de outubro, a manhã começou agitada com um talk show e o tema “Nossa Federação: 75 anos de consolidação do sindicalismo comerciário. Comandado pelo jornalista Roberto Souza, o talk show exprimiu a união e a importância da categoria socialmente, economicamente e, principalmente, politicamente. Foram desenvolvidos temas como a diminuição da bancada sindical no Congresso Nacional, a valorização da mulher e a atuação das 8 Regionais da Fecomerciários.

O bate-papo contou com a participação de Luiz Carlos Motta, presidente da Fecomerciários; Lia Marques, vice-presidente; Amauri Mortágua, coordenador executivo da Corrente Comerciária; Ademir Lauriberto Ferreira, coordenador executivo do 23º Congresso; Márcia Caldas Fernandes, coordenadora da Regional de São José do Rio Preto; e Rui Queiroz de Amorim, presidente do Sincomerciários de Sorocaba.

Palestras  1º dia

Parabéns Professor!


23º Congresso Sindical Comerciário

Fonte/Fotos: Fecomerciários
O presidente da Fecomerciários, Luiz Carlos Motta, abriu na noite de terça-feira (14/10) o 23º Congresso Sindical Comerciário no Centro de Convenções do Hotel Fazenda Fonte Colina Verde, na cidade de São Pedro, interior do Estado de São Paulo. Com o tema “Sindicalismo Comerciário: forte na base e atuante nas lutas políticas e sociais”, o evento conta com aproximadamente 800 participantes. Esse ano o Congresso tem Motta como coordenador geral; Ademir Lauriberto Ferreira, presidente do Sincomerciários de São Carlos, coordenador executivo; Edson Ramos, secretário da Fecomerciários, subcoordenador. O presidente Biloti e equipe Sincomerciários BS estão participando do evento.


Pisos Comércio Varejista 2014/15

 
PISO
COMISSIONISTA
 
LTDA
R$ 1.170,00 R$ 1.404,00
 
EPP
R$ 1.133,00 R$ 1.359,60
 
MICRO EMPRESA
R$ 1.037,00 R$ 1.244,40
 
OFFICE BOY/EMPAC.
 
R$ 741,00
 
CONTR. ASSISTENCIAL
 
4,5% limitado a R$ 100,00
 
DIA DO COMERCIÁRIO
 
1/30 (ATÉ 180 DIAS) – 2/30 (ACIMA)

Salário mínimo pode aumentar para R$ 790 em janeiro

Fonte: Valor Econômico/Ag. Diap
Se a inflação continuar batendo no teto da meta, o valor do salário mínimo terá que subir ainda mais. Com isso, os gastos do governo também aumentam em relação ao já previsto no Orçamento enviado ao Congresso Nacional, porque benefícios como abono salarial, seguro-desemprego e pagamentos previdenciários são corrigidos automaticamente de acordo com o reajuste do mínimo.

No Projeto de Lei Orçamentária Anual (Ploa) de 2015, a previsão é que o salário mínimo suba de R$ 724 para R$ 788,06 no próximo ano - alta de 8,85%. Por lei, esse reajuste é calculado com base no crescimento da economia em 2013 mais a taxa de inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 2014.

No ano passado, o Produto Interno Bruto (PIB) registrou expansão de 2,49%. O restante do reajuste é referente à estimativa do índice de inflação (6,2%) que está na proposta orçamentária. Na semana passada, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou que o INPC acumulou alta de 6,59% nos últimos 12 meses até setembro.

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Adicional de Periculosidade!


Fonte: EcoViagem
Esta cabine banheiro foi construída em 1939 sobre um penhasco na região de Altai, para ser usado por membros da estação meteorológica de Kara-Tyurek; o local era a única opção num dos lugares mais remotos do mundo, a Sibéria. Pendurado sobre um penhasco de 1,5 mil metros e numa altitude de 2,6 mil metros, a cabine ganhou o apelido de "banheiro mais perigoso do mundo".

Na época não havia sistema de esgoto e a melhor forma de 'sumir' com os dejetos era jogando-os do alto da montanha. Contudo, a única situação encontrada para que as fezes e a urina fossem 'automaticamente' enviadas para baixo seria construir o banheiro pendurado sobre o abismo. Para os russos isso não foi um problema e a engenharia mostrou-se muito boa, pois, o pequeno banheiro ainda existe e pode ser utilizado.

PL do Senado trata das comissões dos comerciários

Fonte: Câmara dos Deputados
O Projeto de Lei 7221/14, do Senado, determina que o percentual de comissões pagas aos empregados do comércio deverá ser estipulado no próprio contrato de trabalho, por meio de negociação direta com o empregador ou em decorrência de acordo ou convenção coletiva, o que for mais benéfico ao trabalhador.

A proposta, em análise na Câmara dos Deputados, proíbe o patrão vincular as comissões ao cumprimento de cotas mínimas de vendas e determina que redução do percentual só seja permitida por meio de acordo ou convenção coletiva.

Atualmente, a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT, Decreto-Lei 5.452/43) diz apenas que comissões integram o salário do trabalhador, mas não as especifica.

Parentes: bancada cresce em relação ao pleito de 2010

Ag. Diap 
Levantamento preliminar do DIAP identificou o parentesco político dos eleitos e reeleitos no pleito de domingo (5). Foram eleitos 43 (novos) e reeleitos 40, num total de 83. Nas eleições de 2010, foram eleitos 78 deputados e deputadas com vínculos familiares. 

 A eleição ou reeleição de parentes reforça a tese de circulação no poder. Em geral, parentes mais próximos como pais, filhos e cônjuges são herdeiros eleitorais uns dos outros e compartilham o mesmo perfil político e ideológico.

Para 77% dos brasileiros, cortar imposto reduz desigualdade

Fonte: Valor Econômico
Para 68% dos brasileiros, a desigualdade é um grande problema, mas parte ainda mais expressiva da população (77%) acredita que reduzir impostos é o melhor meio para assegurar menor distância entre ricos e pobres, segundo pesquisa do Pew Research Center divulgada hoje. O levantamento ainda mostrou que os brasileiros estão entre os mais otimistas com o futuro da próxima geração, embora a confiança tenha recuado nos últimos 12 meses.

O percentual dos que consideram a diferença entre as faixas de renda um problema relevante no Brasil é maior do que a média dos países emergentes (60%) e avançados (56%). O principal “culpado” pela desigualdade, segundo 29% dos entrevistados, na média global, são as políticas governamentais, seguida pela diferença de salários (23%).

No Brasil, essa relação se inverte. Com as políticas sociais adotadas nas últimas décadas, apenas 21% dos brasileiros atribuem a desigualdade ao governo. Já 44% consideram que a principal razão para a distância entre ricos e pobres está na diferença de remuneração dos trabalhadores. Para 19% dos brasileiros, o sistema educacional é relevante para explicar a diferença de renda na sociedade, percentual mais alto do que na média global (10%).

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Aumento Salarial 2014: 8,5% para o piso e 8% salários acima do piso


Fechado o Acordo Coletivo de Trabalho com o Sindicato do Comércio Varejista da Baixada Santista. A CCT foi assinada pelos presidentes Biloti e Weberman O aumento salarial é 8,5% para o piso e 8% para os salários acima do piso, a partir de 1º de outubro.

Sob pressão por mudança, previdência tem rombo superior a R$ 50 bi

Fonte: Folha de S. Paulo
O governo federal gasta próximo de 1% do PIB para cobrir um rombo anual que supera os R$ 50 bilhões nas contas da Previdência. A projeção é que, mantidas as regras, essa relação ainda será quase cinco vezes pior até 2050.

Mas a pressão para fechar as contas é vencida nas discussões eleitorais por outra – a de centrais sindicais, pelo fim do fator previdenciário, criado há 15 anos para atenuar o saldo deficitário do INSS.

Os presidenciáveis relutam em defender seu fim porque sabem que haveria aumento do déficit. Mas também relutam em se opor à pressão sindical em plena campanha.

O fator prevê um desconto no valor de quem se aposenta por tempo de contribuição, e não por idade. Ele visava reduzir os gastos e estimular o adiamento da aposentadoria. O efeito, porém, foi apenas a redução no valor do benefício, já que a população continuou a se aposentar cedo.

Todo trabalhador deve saber sobre o pagamento do salário

Tribunal Superior do Trabalho - TST

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Desaposentadoria: ministro relator vota pela validade do instituto

Fonte: STF
Na sessão de 8/10, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), relator do Recurso Extraordinário (RE) 661256, que discute a desaposentadoria, votou pelo provimento parcial do recurso no sentido de considerar válido o instituto. Em seu entendimento, a legislação é omissa em relação ao tema, não havendo qualquer proibição expressa a que um aposentado do Regime Geral de Previdência Social (RGPS), a cargo do INSS, que tenha continuado a trabalhar pleiteie novo benefício, levando em consideração as novas contribuições. A matéria teve repercussão geral reconhecida.

Após o voto do relator, o julgamento foi suspenso para que a questão seja discutida com o plenário completo. Na sessão de quarta, três ministros encontravam-se ausentes justificadamente.

Dia Nacional de Luta contra a Violência à Mulher relembra manifestação histórica

Fonte: SPM-PR
Data foi instituída em 1980; desde então, brasileiras têm vários canais para procurar ajuda em caso de violência

Nesta sexta-feira, 10 de outubro, é comemorado o Dia Nacional de Luta contra a Violência à Mulher. A data impulsiona a reflexão dos números da violência contra a mulher e o que se tem feito para combater o problema. No Brasil, as brasileiras e estrangeiras contam com a Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180, mantida pela Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM-PR).  

O Ligue 180, além de receber denúncias, presta informações sobre procedimentos a serem tomados em caso de violação de direitos – especialmente os relacionados à violência doméstica e familiar. De janeiro a junho de 2014, aproximadamente 16 mil denúncias de violência contra a mulher foram encaminhadas aos sistemas de justiça e segurança pública dos estados e do Distrito Federal. 

Benefícios de se trabalhar quatro dias por semana são maiores

Fonte: www.portugaldigital.com.br
O especialista da Organização Internacional do Trabalho, OIT, Jon Messenger, citou cinco boas razões para se trabalhar quatro dias por semana. O chefe do Grupo de Condições de Trabalho da OIT afirmou que tem estudado o assunto desde que foi contratado pela agência há 14 anos.

Ele cita vários artigos que mostram os benefícios de uma semana de trabalho reduzida, com depoimentos de empresários como o co-fundador do Google, Larry Page, e o bilionário mexicano, Carlos Slim.

A primeira razão mencionada por Jon Messenger é a de que trabalhar muito é ruim para a saúde. Ele explica que os custos de longas horas de trabalho são enormes. O resultado pode ser visto em doenças cardiovasculares, problemas nos sistemas digestivo e reprodutivo, além de problemas de saúde mental. Um semana de trabalho menor ajudaria a criar mais empregos e com bons salários.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...