Info Comerciário 194/2019

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Goleada classifica time de Santos em primeiro lugar na Chave D do Torneio de Futsal Fecomerciários



O placar marcou 13 x 0 para o Sincomerciários BS que jogou com o time de Jacareí, na cidade de Caraguatatuba, dia 26 de maio, pelo Torneio de Futsal da Fecomerciários. Em um jogo tranquilo, não houve dificuldades para conquistar a classificação nesta primeira fase.

A chave D ficou assim definida: Santos 1º lugar, Caraguatatuba, 2º lugar, São José dos Campos, 3º lugar e Jacareí, 4º lugar. Caem fora do torneio São José dos Campos e Jacareí. Agora é esperar pelo sorteio das chaves da 2ª fase.

Os diretores Passos, Washington e Paulinho, além do assessor sindical Mazinho acompanharam o time neste jogo, ficando muito satisfeitos com o belíssimo resultado e a conquista da vaga.

Trabalhadores procuram cada vez mais a Justiça


O crescimento da formalização do trabalho. Fácil acesso à Justiça Trabalhista. Tributos altos para contratação de um empregado, levando a busca de outras formas de contrato fora da Consolidação das Leis do Trabalho CLT. Estes foram alguns dos ingredientes para o aumento de 25% no número de processos na Justiça do Trabalho de 2004 a 2011, segundo dados do Tribunal Superior do Trabalho (TST). 

O Tribunal Regional da 2ª Região (TRT-2) - que compreende o Estado de São Paulo, considerado o maior tribunal do País em números de processos, com cerca de 35% de demanda brasileira -, contabiliza mais de 482 mil de processos em execução (dados de 2012), cerca de 200 mil processos a mais do que Tribunal do Rio de Janeiro, outro gigante do ranking dos TRTs em número de processo, segundo dados TST.

O juiz e vice-presidente da Associação dos Magistrados do Trabalho da 2ª Região (Amatra-2), Maurício Assali é defensor de uma revitalização da estrutura sindical que, segundo ele, poderia ser um facilitador para solução de conflitos entre o capital e o trabalho, evitando demandas judiciais que poderiam ser resolvidas na negociação coletiva e na forte e efetiva atuação das entidades sindicais na origem dos problemas.
Fonte: Força Sindical/DCI

Info Comerciário nº 160


Comércio foi o ramo que mais admitiu em 2011

O comércio foi a atividade que mais contratou trabalhadores em 2011 no país: 18,9% do total (8,5 milhões de pessoas), seguido das indústrias de transformação (18,2% ou 8,2 milhões de pessoas) e da administração pública (17% ou 7,7 milhões). O item atividades administrativas e o serviços complementares e construção absorveram 9% (4,1 milhões de pessoas) e 6,4% (2,9 milhões), respectivamente.

Os dados fazem parte da pesquisa Estatísticas do Cadastro Central de Empresas 2011 (Cempre), divulgada em 24/5 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De 2010 para 2011, foram gerados 2,2 milhões de vínculos, sendo 499,5 mil no comércio (22,9%), 271,7 mil na administração pública, defesa e seguridade social (12,4%) e 269,6 mil na construção (12,3%).

Na comparação com 2010, o total de salários e de outras remunerações aumentou 8% e o salário médio mensal, 2,4%, em termos reais, ficando em R$ 1.792,61 (3,3 salários mínimos). O levantamento considerou o valor médio do salário mínimo de R$ 510, em 2010, e de R$ 544, em 2011.
Fonte: Agência Brasil
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...